Skip to Menu Skip to Search Contate-nos Brazil Sites e Idiomas Skip to Content

Nossa especialidade não está nas pistas ou nas piscinas, mas na capacidade de auditar os requisitos de sustentabilidade internacionalmente reconhecidos como as melhores práticas para grandes eventos. E os números desse grande evento impressionam: 29,5 gigawats de energia, 6 mil toneladas de comida,1500 ônibus para transportar 28 mil atletas, 3,6 milhões de toneladas de carbono a neutralizar.

Se voltarmos um pouco o relógio, em 27 de janeiro deste ano, o Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro recebeu a certificação ISO 20121, norma global criada em 2012, que estabelece diversos requisitos que asseguram que o evento certificado deixa um legado positivo do ponto de vista econômico, ambiental e social em vários níveis, incluindo consumo de água, produção de resíduos sólidos e consumo de energia, biodiversidade, taxa de emprego e seleção de fornecedores.

A certificação é um reconhecimento público de que a Organização do evento cuidou de tudo e implementou tudo a que se propôs”, afirma Vanda Nunes, Diretora da área de Certificações e Auditorias do Grupo SGS.

Para o presidente do Comitê, Carlos Arthur Nuzman, este será um legado para o setor de eventos, e sem precedentes para o Brasil.

A certificação

Criada em 2012, a Norma Internacional de Gestão de Eventos Sustentáveis foi desenvolvida pela ISO - International Organization for Standardization para assegurar que os eventos deixem uma “herança” positiva ao meio ambiente, economia e área social, com um mínimo de impacto em termos de lixo, consumo de energia e água, e às sociedades no entorno de sua realização. Seu foco está na importância do planejamento e gestão eficiente de cada uma dessas vertentes, de forma que os processos sejam pensados e executados levando em conta expectativas e demandas das várias partes interessadas.

Interessado?
Saiba mais em www.sgsgroup.com.br ou contate-nos pelo 11 3883 8290